289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
Os Mercados Municipais de Olhão comemoraram esta quarta feira, 1 de maio, o seu 103º aniversário. A ocasião foi assinalada pela inauguração de uma exposição de pintura do artista olhanense José Henrique Rodrigues, que ficará patente no Mercado do peixe até ao final do verão.

2019-073-exposicao-jose-henrique-rodrigues-mercados-01
A mostra reúne 44 acrílicos, cujo denominador comum é Olhão, a expressão das suas gentes e o mar, numa organização da Junta de Freguesia de Olhão, coma colaboração do Município e da empresa municipal Fesnima.

Os Mercados Municipais, um dos ex-libris da cidade, começaram a ser construídos em 1912, sendo inaugurados quatro anos depois. Há mais de um século que são um dos postais ilustrados de Olhão e local de visita obrigatória para turistas e residentes.

A sua construção consistiu na consolidação das edificações através de um processo conhecido por bate-estacas, ficando cada um dos edifícios apoiado em 88 estacas, ligadas entre si através de arcos de alvenaria de tijolo.

São exemplos modelares da arquitetura do ferro e do vidro, com enorme impacto urbanístico, em tijolo aparente e estrutura metálica.

De planta longitudinal, os Mercados são compostos por dois espaços retangulares de vértices arredondados, correspondendo ao Mercado das Verduras e ao Mercado do Peixe, sendo ambos delimitados por quatro torreões circulares envidraçados.

Submetidos a profundas obras de recuperação, vieram a ser reabertos ao público em 3 de julho de 1998.

Uma das novidades mais recentes é o seu interior, revestido com azulejos da autoria de Costa Pinheiro.

2019-073-exposicao-jose-henrique-rodrigues-mercados-02

2019-073-exposicao-jose-henrique-rodrigues-mercados-03

2019-073-exposicao-jose-henrique-rodrigues-mercados-04

2019-073-exposicao-jose-henrique-rodrigues-mercados-05