289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
Um projeto inovador e que recorre a tecnologia de ponta, desenvolvido pelos municípios de Olhão e Faro, foi um dos 3 distinguidos a nível nacional pelo Turismo de Portugal e pelo Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo, no âmbito da 2.ª edição do Programa Nacional de Qualificação Local Autárquica para o Turismo.

ria-formosa
Recorrendo à Realidade Aumentada, os municípios de Olhão e Faro vão desenvolver este projeto em torno da Ria Formosa. Será criado um mapa interativo desta que é uma das 7 Maravilhas Naturais de Portugal, onde serão identificados pontos de interesse, como espécies protegidas, gastronomia, sítios emblemáticos, ou oferta cultural, a partir dos quais serão produzidos conteúdos multimédia que permitirão ao visitante conhecer curiosidades, agendar visitas, solicitar pedidos de informação, partilhar nas redes sociais, entre muitas outras experiências aliciantes.

A aplicação, cujas características vão de encontro à Estratégia do Turismo 2027, pretende promover e dinamizar este ecossistema único a nível nacional e internacional, tendo em conta a sensibilização ambiental, o conhecimento associado às espécies, nomeadamente o cavalo-marinho, e a sua preservação, bem como os aspetos ligados à vida dos pescadores e de quem vive de, e na Ria. O objetivo é aumentar o interesse por este destino de excelência de turismo de natureza.

De entre os principais fatores para a escolha deste projeto, destacam-se a natureza coesa dos dois territórios (Olhão e Faro), a sua diferenciação e inovação e, ainda, a sua preocupação em assegurar a valorização económica deste património natural, ao mesmo tempo que garante a sustentabilidade ambiental e a manutenção do modo de vida da comunidade local.

A Realidade Aumentada é uma tecnologia que permite sobrepor elementos virtuais à nossa visão da realidade.

Utilizada em setores tão distintos como a medicina, a indústria automóvel, a arquitetura ou o marketing, permite adicionar elementos virtuais, como informações adicionais em forma de gráficos ou imagens, ao ambiente real.

A tecnologia já existe desde 1992, embora tenha sido no verão de 2016, com o jogo Pokémon GO, que chegou ao público em geral.

Agora, será a vez de a Ria Formosa beneficiar desta tecnologia, através deste projeto conjunto das autarquias de Olhão e Faro, financiado pelo Turismo de Portugal, num montante de 125.000 €.