289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2014-034-AcordeaoO Auditório Municipal de Olhão acolhe, no próximo dia 3 de abril, pelas 21h30, a 1ª Gala Internacional de Acordeão. O evento, organizado pela Junta de Freguesia de Quelfes e Grupo Etnográfico de Quelfes, contará com nomes conhecidos da música popular, sendo uma forma de divulgar a importância que o acordeão tem na cultura popular.

Dado o prestígio e aceitação popular que o acordeão tem nas gentes algarvias, onde vultos como José Ferreiro (pai), Madeirinha, Filipe de Brito ou João Frade, alcançaram assinalável prestígio e fama nacional e mundial, decidiu-se promover a 1ª Gala Internacional de Acordeão de Olhão.

Esta 1ª Gala irá contar com as presenças dos acordeonistas portugueses Rodrigo Maurício, Fernando Inês, Jorge Alves, Henídio Gonçalves e Francisco Sabóia, para além de dois famosos campeões do Mundo, o sérvio Marik Petard e o italiano Pietro Adrangna.

Será também feita uma homenagem póstuma a Isolina Granja, prestigiada acordeonista olhanense, com 60 anos de carreira internacional. Atuarão neste tributo Paulo Domingos e Marisa Mendes, que com a homenageada formavam um prestigiado trio. As obras interpretadas serão da autoria de Isolina Granja.

Atualmente, os espetáculos não são feitos à volta das eiras, nem em festas agrárias. Os jardins, hotéis, auditórios ou outras salas de espetáculo, são agora locais de eleição para as apresentações. Dado o surpreendente aumento do número de praticantes e a crescente visibilidade que o instrumento vem conseguindo nos mais diversos contextos, o acordeão conseguiu marcar a sua posição no contexto popular e é, assim, apresentado à população olhanense na próxima quinta-feira.

O público olhanense presenciará um espetáculo singular, pela sua autenticidade e popularidade.