289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2015-213-congresso-estatistica-01Até ao próximo sábado, 10 de outubro, mais de 200 especialistas na área da Estatística reúnem-se no Centro de Congressos Ria Formosa, no Real Marina Hotel & Spa, para o XXII Congresso da Sociedade Portuguesa de Estatística (SPE). A sessão inaugural do encontro decorreu esta quarta feira e foi presidida pelo presidente da Câmara Municipal de Olhão, António Miguel Pina.

Organizado pela SPE e pela Universidade do Algarve (UAlg), o programa científico da atual edição do congresso contempla, para além das sessões livres (comunicações orais e em posters) e sessões temáticas, sessões plenárias para as quais foram convidados os oradores Luzia Gonçalves, da Universidade Nova de Lisboa, James W. Taylor, da Universidade de Oxford, Manuel Scotto, da Universidade de Aveiro e Peter Muller, da Universidade do Texas.

O primeiro dia deste encontro contou também com um minicurso que incidiu sobre o tema Introdução à Estatística Bayesiana Computacional, da responsabilidade dos professores Maria Antónia Turkman e Carlos Daniel Paulino, especialistas da Universidade de Lisboa.

Na sessão de abertura do Congresso, marcaram presença Conceição Ribeiro e Clara Cordeiro (comissão organizadora), Maria de Lurdes Cristiano (em representação do Reitor da UAlg e diretora da Faculdade de Ciências e Tecnologia), Maria Eduarda Silva (presidente da SPE), Carlos Paulino (ex-presidente da SPE), Carlos Marcelo (representante do Instituto Nacional de Estatística) e o presidente da Câmara Municipal de Olhão, António Miguel Pina.

O autarca deu as boas vindas aos participantes, desejando que desfrutem do que Olhão tem para oferecer e que “mais tarde possam voltar como turistas”. Referiu-se também ao facto de, agradecendo à comissão organizadora, ser “com iniciativas como esta que a nossa cidade se desenvolve”.

A presidente da SPE, Maria Eduarda Silva, falou da “vitalidade da estatística em Portugal” e de como esta área do conhecimento é importante para a sociedade. Destacou ainda que até sábado serão apresentadas 114 comunicações orais e tópicos de diferentes temáticas ligadas à estatística.
2015-213-congresso-estatistica-022015-213-congresso-estatistica-03

















A sessão de abertura do congresso da SPE 2015 foi seguida por uma sessão plenária, subordinada ao tema Um Modelo Bayesiano de Atribuição de Caraterísticas para a Heterogeneidade de Tumores, presidida por Carlos Daniel Paulino e conduzida pelo austríaco radicado nos EUA, Peter Muller. O investigador, com interesses variados na temática da Estatística, sobretudo na bioestatística, é professor catedrático da Universidade de Austin.

O programa desta quinta feira é dominado pela atribuição do Prémio SPE 2015. Esta distinção destina-se a estimular a atividade de estudo e investigação científica em Probabilidades e Estatística entre os jovens que trabalham nestas áreas.

Na sexta feira, Luzia Gonçalves, do Instituto de Higiene e Medicina Tropical da Universidade Nova de Lisboa é a oradora convidada na sessão plenária, que se subordina ao tema Dados, Ética e Modelos na Saúde Tropical: Constrangimentos e Desafios. Este dia será também dominado pela atribuição do Prémio Carreira SPE.

Sábado, dia de encerramento do XXII Congresso da Sociedade Portuguesa de Estatística, Manuel Scotto, da Universidade de Aveiro, falará sobre O Operador Thinning na Modelação de Séries Temporais de Valores Inteiros, numa sessão presidida por Maria Eduarda Silva. A sessão de encerramento do evento está marcada para as 13h30.

A Sociedade Portuguesa de Estatística é uma sociedade sem fins lucrativos, que tem por principais objetivos fomentar o desenvolvimento da investigação na área da Probabilidade e da Estatística, promover a sua implantação junto da sociedade civil e criar mecanismos de diálogo e colaboração entre os seus sócios.

O Congresso da SPE é dirigido a profissionais, estudantes e utilizadores de Probabilidade de Estatística, estimulando a discussão e a divulgação científica na área, a par do intercâmbio científico.
2015-213-congresso-estatistica-042015-213-congresso-estatistica-05