289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2015-251-centro-de-estudos-olimpicosDecorreu na semana passada, em Ayamonte, a 1.ª reunião da Comissão Instaladora do Centro de Estudos Olímpicos do Guadiana, projeto transfronteiriço que pretende estabelecer o primeiro Centro de Estudos Olímpicos transnacional em todo o mundo.

Esta iniciativa nasceu de uma decisão unânime dos membros da Comissão Geral Organizadora dos Jogos de Quelfes, reunida em Tavira, no passado mês de setembro, e que agora se concretiza numa Comissão Instaladora que, para além dos municípios de Ayamonte e Vila Real de Santo António, reúne ainda a Academia Olímpica de Portugal, o Comité Internacional Jogos de Quelfes, a Universidade do Algarve, a Universidade de Huelva e o Centro de Estudos Olímpicos da Universidade Pablo de Olavide (Sevilha).

Após este primeiro encontro, a Comissão irá procurar oficializar este projeto junto das autoridades olímpicas nacionais, quer de Portugal, quer de Espanha, seguindo-se um processo preparatório que irá contemplar a recolha de recursos físicos e a preparação de acessos online que permitam um mais fácil acesso e consulta, não só aos investigadores, mas também ao público em geral.

Mais do que um mero local de análise ou investigação, o Centro de Estudos Olímpicos do Guadiana pretende afirmar-se enquanto instituição promotora do Olimpismo, divulgando uma filosofia de vida que está ao alcance de todos, bem como desenvolvendo várias iniciativas que concretizem esse objetivo.

Mais do que um mero projeto comum a estas duas comunidades raianas, o Centro de Estudos Olímpicos é ele próprio encarado como algo muito mais abrangente, uma aposta no Olimpismo enquanto motor de desenvolvimento pessoal e social, nomeadamente em meio escolar, constituindo um eixo entre o Algarve e a Andaluzia, Portugal e Espanha, ao qual se associam, desde a primeira hora, os demais municípios organizadores dos Jogos de Quelfes: Faro, Loulé, Olhão, São Brás de Alportel e Tavira, numa expressão de apoio que, inclusivamente, pretendem aprovar em sede das respetivas assembleias municipais.