289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
Os pescadores olhanenses voltam a ser homenageados pela Câmara Municipal a 31 de maio. Num concelho de mar e de mareantes, a Autarquia presta, assim, homenagem àqueles que fazem da pesca o seu modo de vida.

2016-141-dia-pescador-olhao

As comemorações oficiais, que contam com a presença do secretário de Estado das Pescas José Apolinário e do presidente da Câmara Municipal de Olhão António Miguel Pina, entre outras entidades, têm início às 17h30, com a cerimónia de entrega de distinções aos pescadores de Olhão, a ter lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Serão atribuídas distinções nas áreas do arrasto, cerco, polivalente local e costeira, armação, aquacultura (moluscicultura), mariscador apeado, mulher na pesca e na aquacultura, pescador mais novo, maquinista marítimo, pescador em progressão, indústria conserveira e o Prémio Mérito na Pesca, a maior distinção do dia.

De seguida e ainda naquele local, decorre o lançamento oficial do projeto “Cidadania Marítima”, da responsabilidade da Autoridade Marítima.

Este dia de homenagem aos pescadores olhanenses prossegue no Museu Municipal de Olhão, um local com uma carga simbólica muito forte, uma vez que foi naquele edifício que em tempos funcionou o Compromisso Marítimo. Aqui será lançada a Revista de Estudos Marítimos do Algarve – Embarco. 

Trinta minutos mais tarde, lugar para a inauguração da exposição “Mãos do Mar de Olhão”, uma seleção de fotografias de várias épocas que fazem parte do espólio do Museu Municipal de Olhão e que retratam o dia a dia dos ofícios ligados ao mar.

As comemorações do Dia Nacional do Pescador em Olhão encerram no Museu Municipal, com uma degustação de pescado das lotas nacionais (cavala e carapau), iniciativa da responsabilidade da Docapesca.