289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
Na Biblioteca Municipal José Mariano Gago, todos os meses são dedicados a um escritor, que assume, nesse período, particular destaque. O mês de novembro não é exceção, sendo consagrado a Manuel Jorge Marmelo.

2016-257-autor-mes-novembro

Manuel Jorge Marmelo nasceu em 1971, no Porto. A trabalhar na imprensa desde 1989, recebeu em 1994 o prémio de jornalismo da Lufthansa e, em 1996, a menção honrosa dos Prémios Gazeta de Jornalismo do Clube de Jornalismo/ Press Club.

Estreou-se nas letras em 1996, com o livro O Homem que Julgou Morrer de Amor/O Casal Virtual, tendo sido convidado, nesse mesmo ano, a participar na coletânea A Cidade Sonhada, lado a lado com alguns dos mais reputados escritores, poetas e artistas do Porto. 

O livro de contos O Silêncio de um Homem Só, de 2005, valeu-lhe o Grande Prémio de Conto Camilo Castelo Branco.

Manuel Jorge Marmelo tem participado em várias publicações e antologias, entre as quais se destacam Porto.Ficção, Putas – Antologia do Novo Conto Português e Brasileiro, Porto Fragment de Vie, Doze Contos com Livros Dentro, Suplemento Literário de Minas Gerais, Bestiário, Magazine Artes e Imagem Passa Palavra. Escreveu ainda os textos dos livros Vitória: Verso e Reverso e Mário Marques, para além do Instante.

Desde julho de 2001 que o seu nome consta do Dicionário de Personalidades Portuenses do Século XX, da Porto Editora, sendo o mais jovem dos nomes biografados. Em fevereiro de 2014, venceu o Prémio Literário Casino da Póvoa com o romance Uma Mentira Mil Vezes Repetida, publicado em 2011.

A bibliografia do autor existente na Biblioteca pode ser consultada através do catálogo online, em http://www.cm-olhao.pt/pt/catalogo-online.