289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
A Assembleia Municipal de Olhão aprovou, no final de outubro, por maioria, o Orçamento e as Grandes Opções do Plano para 2017. No total, o Orçamento Municipal ascende aos 25,2 milhões de euros. Ou seja, a Autarquia terá mais cerca de três milhões de euros do que em 2016 para gerir. As apostas continuam a ser nas áreas da Educação, Desporto, Juventude, Cultura e Ação Social.

2016-301-orcamento-cmo-2017

De acordo com o presidente da Câmara Municipal de Olhão, “este orçamento espelha o equilíbrio das contas do Município. A evolução verificada revela uma melhoria sustentada na gestão orçamental. Definimos como prioritárias, para este ano que agora se vai iniciar, as áreas da Educação, Desporto, Juventude e Cultura e Ação Social”, esclarece António Miguel Pina.

É de salientar que o Orçamento para 2017 inclui mais de 300.000,00 euros para a manutenção de jardins e espaços verdes, no âmbito do protocolo de delegação de competências existente entre a Câmara e as Juntas de Freguesia.

No que respeita às despesas de capital (investimento), estão considerados todos os projetos em curso, ou os que estão em fase de realização de projeto com início no próximo ano. São exemplo de alguns dos projetos em execução a requalificação da Estrada de Quelfes, o troço de 2 quilómetros na Estrada da Foupana, o Caminho do “Cimento”, Rua da Palmeira em Bias do Sul, renovação dos Parques Infantis, requalificação dos polidesportivos da Cavalinha, Associação 18 de Maio e Bairro 28 de Setembro, requalificação do Circuito de Manutenção dos Pinheiros de Marim e repavimentação da Estrada Alfandanga – Moncarapacho, sendo este financiado através do empréstimo efetuado pela Autarquia.

Em fase de elaboração de projeto, o Município destaca as novas instalações das Oficinas Municipais, Serviços Veterinários e Ambiolhão, a requalificação da EN125, a requalificação do cruzamento da Av. D. João VI com a Rua 18 de Junho e Rua Dâmaso da Encarnação, a construção de canil/gatil intermunicipal, a construção da pista de atletismo em Pechão; a ampliação/requalificação da Escola Básica nº 5, a requalificação da Escola Básica de Quelfes ou a requalificação do Jardim de Infância de Pechão.

No que diz respeito a estes últimos investimentos, que são necessários e urgentes, a sua realização só será possível se existir, durante o próximo ano, um crescimento das receitas fruto da venda de terrenos, e/ou a sua inclusão em projetos cofinanciados por fundos comunitários. 

Olhão tem crescido nas diversas áreas económicas nos últimos anos. Muitos são os empresários que escolheram o concelho de Olhão para implementarem as suas empresas. É propósito da Autarquia manter todos os apoios aos já aqui instalados e aos novos empresários que pretendam investir no concelho.

Agricultura, conservas, aquacultura, pescas, hotelaria e restauração são setores importantes da economia de Olhão, que o Município pretende continuar a apoiar e ajudar a expandir.