289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
Salvador Sobral, o vencedor da 51ª edição do Festival da Canção com a canção “Amar Pelos Dois”, sobre ao palco do Auditório Municipal de Olhão na sexta feira, dia 17 de março, pelas 21h30.

amo-2017-03-salvador-sobral

Durante o tempo que viveu nos Estados Unidos e em Barcelona, onde estudou na prestigiada escola Taller de Músics, Salvador Sobral desenvolveu vários projetos musicais: compôs para si próprio mas, ao mesmo tempo, criou performances arrojadas à volta da figura de Chet Baker, bebeu da bossa-nova e trouxe às suas canções as doces sonoridades da América Latina.

Excuse Me, o seu disco de estreia, é o resultado dessas viagens e das influências que o cantor recebeu das suas inspirações musicais, que partem do jazz para o mundo e que agora o cantor convida o público olhanense a escutar.

O disco tem a co-produção musical do olhanense Júlio Resende, que é também o pianista que acompanha Salvador nos espetáculos ao vivo, do compositor venezuelano Leonardo Aldrey e do próprio Salvador Sobral.  

Maioritariamente composto por temas originais da autoria de Salvador Sobral e Leo Aldrey, um dos temas, “I Might Just Stay Away”, é de Luísa Sobral, que o compôs para o irmão, a quem ouvia cantar compulsivamente temas de Chet Baker.

Na última edição do EDP Cool Jazz, Salvador Sobral mostrou porque já deixou de ser “apenas” uma promessa da música em Portugal, para ser definido como um cantor que consegue transmitir uma sensibilidade musical e um magnetismo únicos em palco.

Em 2017, Salvador Sobral continua com o seu Excuse Me pelas mais relevantes salas nacionais, entre elas Olhão.