289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2012-077-Jorge MealhaO artista Jorge Mealha, radicado há quase quatro décadas no Algarve, em Lagos, mostra as suas esculturas até 27 de outubro do foyer do Auditório Municipal de Olhão. A exposição, inaugurada a 15 de setembro, pode ser visitada no horário de funcionamento daquele espaço cultural e nos dias de espetáculo.

Jorge Mealha nasceu em Lourenço Marques, atual Maputo, Moçambique, em novembro de 1934. Até aos 40 anos residiu e trabalhou naquela cidade, onde se dedicou essencialmente à Cerâmica, Escultura e Decoração de Interiores. Desde 1975, ano em que se fixou no Algarve, que se dedica exclusivamente à escultura/cerâmica. Participa com regularidade em exposições, individuais e coletivas, dentro e fora do País.

A obra do escultor carateriza-se pela abordagem contemporânea de temas, desde a estatuária à cerâmica utilitária, essencialmente produzidas em grés e que se destacam no contexto da cerâmica nacional.

Jorge Mealha tem vindo a tornar-se um dos mais importantes ceramistas e escultores portugueses desde a sua chegada ao Algarve, sendo convidado cada vez com maior frequência para expor por todo o País.

O artista trabalha num pequeno estúdio adjacente à sua casa, nos arredores de Lagos, e tem vindo a tornar-se notado, especialmente, através de obras criadas para espaços públicos e monumentos bem como inúmeras encomendas para casas particulares. Entre as suas primeiras obras, as mais conhecidas são o painel com vinte metros de comprimento que ornamenta a entrada da Marina de Lagos, e outro com sessenta metros quadrados que é o ponto fulcral da fachada do Marinotel em Vilamoura. A sua obra, que já lhe valeu vários prémios nas áreas da escultura, pintura e cerâmica, pode agora ser apreciada em Olhão.