289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2012-081-Jos CidJosé Cid é o músico que se segue no Auditório Municipal de Olhão. Já no próximo dia 5 de outubro, o autor, compositor e intérprete do genérico da telenovela da TVI ‘Louco Amor’, apresenta, a partir das 21h30, os sucessos de sempre cantados por várias gerações.

José Cid possui uma longa carreira musical. Iniciou-a em 1956, com a fundação de Os Babies e, em 1960, ainda aluno da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, criou nessa cidade o Conjunto Orfeão, com José Niza, Proença de Carvalho e Rui Ressurreição. Foi ainda teclista e vocalista no conjunto Quarteto 1111, no qual obteve grande êxito com a canção «A lenda de El-Rei D.Sebastião», em 1967.

No Festival da OTI de 1979, ficou em 3.º lugar com «Na cabana junto à praia» mas foi com a canção «Um grande, grande amor» que venceu o Festival RTP da Canção (1980) com 93 pontos.

2006 foi um ano de grande sucesso para José Cid. Reapareceu em grande, para espanto de muitos que já haviam vaticinado o final da sua carreira. Lançou um novo disco, «Baladas da Minha Vida», com velhas canções regravadas de forma acústica sem recurso a computadores e dois novos temas.

«Um grande grande amor», «20 Anos», «A rosa que te dei», «Como o macaco gosta de banana», «No dia em que o rei fez anos», entre tantas outras, fazem já parte do património da música portuguesa.

José Cid, um músico intemporal, apresenta-se num concerto intimista em Olhão, com o seu piano, onde privilegia a interação com o público. Interpretará temas do seu novo disco, “Quem Tem Medo de Baladas”, assim como muitos outros que marcaram a sua carreira como autor e compositor. Um concerto inédito onde músico e público serão um todo!