289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2013-003-Escultura Anibal Ruivo
O escultor Aníbal Ruivo dá a conhecer a sua arte numa exposição no foyer do Auditório Municipal de Olhão, que está patente desde o dia 12 de janeiro e até 28 de fevereiro, podendo ser visitada no horário de funcionamento do Auditório.

Uma aptidão precoce, uma capacidade de labor fora do comum e diversificada, uma escola de arte construída por si e para si, embora atenta aos fenómenos artísticos externos, eis como se nos apresenta a obra de Aníbal Ruivo, que em Olhão mostra escultura em ferro, madeira, pedra ou gesso.

Senhor de um desenho apurado, com uma capacidade de trabalhar modelos mais realistas ou mais abstratizantes, Ruivo alheou-se do fervilhar, por certo criativo, mas mesquinho e interesseiro, das correntes, das influências e dos interesses e poderes que o mundo das artes e dos seus atores se envolvem.

Não endeusou o seu talento, separando sempre os seus prazeres, amizades e amores da sua capacidade e afinco criativos.

As suas esculturas de grande beleza podem ser apreciadas em Olhão a partir do dia 12 de janeiro!
2013-003-Escultura Anibal Ruivo2
O pintor e escultor, natural de São Brás de Alportel, tem o curso superior de Pintura da Escola Superior de Belas Artes de Lisboa. Algumas das obras estão publicadas no livro que reproduz o seu percurso profissional desde o ano de 1945 até 2009: "Aníbal Ruivo – Uma Vida de Arte", publicado em Bruxelas pela editora Orfeu.