289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
2013-084-Exposicao Sopros de ArteOs escultores Pedro Marques e Pedro Botelho apresentam, até 13 de junho, no foyer do Auditório Municipal de Olhão, a exposição Sopros de Arte (pedra e ferro). A mostra pode ser visitada no horário de funcionamento do Auditório, ou seja, de terça a sexta-feira e nos dias de espetáculo, das 14h00 às 18h00.

O cheiro a maresia refresca o mar libertando sopros de Arte.

São sopros enamorados que moldam o ferro, reescrevendo formas e movimentos que contam histórias pelas mãos do escultor Pedro Marques…

São sopros que esculpem a pedra fazendo-a renascer e apurar sentidos sob o olhar e arte do escultor Pedro Botelho.

A Terra e o Mar são a temática da exposição onde está patente a aliança entre a Arte, a criatividade e a metamorfose de modo harmonioso.

Pedro Marques, natural de Setúbal e residente em Setúbal, passou as últimas duas décadas fora de Portugal, “em formação pelo mundo, a melhor universidade”, como gosta de referir. Foi aperfeiçoando e desenvolvendo a sua paixão pela arte, realizando vários trabalhos ligados à decoração e escultura. Defensor do meio ambiente, reutiliza materiais, onde através da sua criatividade concebe peças que transmitem histórias, gostos e interesses.

Pedro Botelho transforma a pedra, o que para o escultor “é um ato criativo que muitas vezes se torna numa peça de escultura única com utilidade no dia a dia”.

Pedro Botelho (escultor de pedra) e Pedro Marques (escultor em ferro) iniciaram uma nova fase da sua carreira, em 2012, no Espaço Fortuna – Artes e Ofícios, na Quinta do Anjo, em Palmela, onde atualmente desenvolvem o seu trabalho, que agora apresenta no Auditório de Olhão.