289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
O Auditório Municipal acolheu esta terça feira a cerimónia de entrega dos prémios do Concurso “Laço Azul”, promovido pelo Município de Olhão na sequência do mês da prevenção dos maus-tratos na infância, que decorreu durante o mês de abril.

2018-093-AMO-Laco-Azul-01
Como forma de alertar para a problemática dos maus-tratos na infância, foi lançado o desafio às escolas de trabalharem o tema em questão com os alunos dos 2.º e 3.º ciclos, com o objetivo de elaborarem e decorarem de forma criativa um laço azul.

Três dos 4 agrupamentos escolares do concelho responderam ao desafio, totalizando aproximadamente 20 professores e 400 alunos envolvidos.
Os trabalhos daí resultantes integraram uma exposição, que este patente no Algarve Outlet entre 10 e 20 de maio, e as turmas vencedoras tiveram agora oportunidade de receber os respetivos prémios e ver reconhecido o seu empenho em trabalhar uma temática tão importante.

Em 1º lugar, ficou a turma E do 8º ano da Escola Dr. Alberto Iria, que foi contemplada com uma viagem no caíque Bom Sucesso, oferecida pela autarquia.

Em 2º lugar, a turma B do 8º ano do mesmo estabalecimento e, em 3º, a turma D do 6º ano da Escola Professor Paula Nogueira. A ambas as turmas, o Algarve Outlet ofereceu um voucher para uma sessão de cinema.

A Campanha do Laço Azul (Blue Ribbon) iniciou-se em 1989 nos Estados Unidos, quando Bonnie W.Finney amarrou uma fita azul à antena do seu carro, como forma de homenagem aos seus dois netos, ambos vítimas de maus-tratos. O azul, que simboliza a cor das lesões, servir-lhe-ia como um lembrete constante para a sua luta na proteção das crianças da violência e negligência.

A história desta avó demonstra o efeito que a preocupação de um único cidadão pode ter no despertar das consciências do público relativamente aos maus-tratos contra as crianças, na sua prevenção e na promoção e proteção dos seus direitos.

2018-093-AMO-Laco-Azul-02

2018-093-AMO-Laco-Azul-03

2018-093-AMO-Laco-Azul-04