289 700 100
 
geral@cm-olhao.pt
 
A Banda Filarmónica 1º de Dezembro de Moncarapacho celebra o seu 156º aniversário no próximo dia 1 de dezembro com um concerto no Auditório Municipal de Olhão, a partir das 21h30. A centenária banda olhanense, regida por Luís Pisco Rodrigues, recebe no palco, como convidado, o grupo Cante Andarilho.

2018-amo-14-Banda-Filarmonica-1-Dez-Moncarapcho

A Banda Filarmónica 1° de Dezembro de Moncarapacho, no concelho de Olhão, foi fundada em 1862 pelo pároco da freguesia, Prior Simas, com o nome que hoje tem presumindo-se, contudo, que a sua existência seja ainda anterior.

Ao longo dos tempos, este grupo teve os seus altos e baixos e, em 1943, devido a uma situação de conflito interno, a Banda foi forçada a parar a sua atividade durante 15 anos. Os músicos, descontentes com a situação, organizaram-se para reativar a banda e conseguiram os seus intentos, voltando a mesma sair para a rua no dia 1 de dezembro de 1958.

Durante mais de uma centena e meia de anos, tem participado em muitas festividades e em todo o tipo de eventos culturais, como romarias, procissões, concertos ou encontros de bandas, destacando-se a presença, em 1940, na Grande Exposição do Mundo Português e, em 1960, no 1º. Concurso Nacional de Bandas Civis em Lisboa.

A 16 de junho de 2012 foi agraciada com a medalha de mérito, grau ouro, pelo Município de Olhão, como reconhecimento pelas atividades desenvolvidas no campo cultural ao longo da sua existência.

O grupo de música tradicional Cante Andrarilho, de S. Brás de Alportel, que inclui no seu repertório temas como Passarinho na Gaiola, Até Quando Deus Quiser, Cantiga Bailada, Rosa Albardeira, Conto do Bicho Papão ou Dançando, Pulirando, promete uma noite em que a nossa cultura popular estará em destaque.

Os elementos dos Cante Andarilho, que atuam em várias zonas do País, dedicam-se à recolha, estudo, preservação e divulgação da música tradicional portuguesa.